Slide

24 horas para escolher viver
Páginas: 43
Gênero: Conto, Romance
Formato: E-book
Autor : Aléxia Macêdo
Editora: Independente
Adquira o livro: Amazon
Lançamento: 2017
Avaliação:    [4/5]
Há um ano, Catarina perdeu os seus pais e irmão em um acidente de carro, onde somente ela sobreviveu. Desde então ela tem pensado todos os dias em desistir de viver, até que novamente no dia 24 de dezembro ela sofre outro acidente e conhece um policial que está destinado a passar as próximas 24 horas convencendo-a a escolher viver.
Catarina é uma garota que carrega no coração marcas que o tempo não pode apagar: ela foi a única sobrevivente de um trágico acidente de carro que ceifou as vidas dos seus pais e do seu irmão. Um agravante para a situação foi a época em que tudo aconteceu: justo no período natalino que é marcado pelas festas e reuniões em família, a garota se viu completamente sozinha, tendo que lidar com a dor da perda. 
Um ano se passa mas Catarina não consegue superar o acidente, vivendo isolada e sem interesse de fazer mais nada. A chegada do dia 24 a deixa ainda mais deprimida e a vontade de dar um fim à sua tormenta  a leva a sofrer um novo acidente, que causa na garota "apenas" ferimentos leves. 

O que ela vai descobrir é que o acidente não trará a solução para morrer, mas através de uma escolha  feita por ela, poderá dar um novo sentido à sua vida tão sofrida. 
Comovido pela história da garota, André, o policial que socorreu Catarina no acidente está decidido a ajudá-la a superar seus traumas, fazendo uma ousada proposta de mudar suas convicções e mostrá-la que ela merecia - e lá no fundo, ela queria - viver. 
- Me dá até às oito horas da noite então - [...]
- Para quê? - pergunto, reencontrando as palavras que ficaram perdidas. Em meio a todo o meu drama e problemas, eu não tinha percebido o quanto ele é bonito.
- Te fazer escolher viver - ele diz como se fosse simples. Tudo que ele fala carrega uma leveza que me dá raiva. [...]
- Só isso que eu peço, 24 horas para escolher viver.
Apesar de abordar um tema tão pesado como o suicídio, a história conseguiu se desenrolar de uma forma bem natural e equilibrada, com diálogos enriquecedores entre os personagens principais, nos mostrando em cada palavra que nas situações mais adversas da vida devemos ser resilientes, mantendo viva a esperança que as coisas vão melhorar e que tudo passa nessa vida.
Mesmo com poucas páginas, o conto consegue impactar o leitor com uma mensagem muito positiva de perseverança, coragem e de que tudo depende da nossa força de vontade para superar as dificuldades e alcançar o desconhecido.
Um conto que merece ser conhecid pela comunidade leitora, por ser muito inspirador!
Beijos!

Compartilhe com os amigos

Comente pelo Facebook!

Comente pelo Blog!

•Fique à vontade para dar sua opinião, sugestões e críticas (desde que com moderação e respeito, terei o maior prazer em responder :D)
• Comentários com palavrões, que incitam discriminação ou preconceito serão excluídos;
• Se quiser deixar o link do seu blog, com toda satisfação retribuirei a visita!