Tecnologia do Blogger.

{Resenha} Brilho Eterno - Edna Nunes

Brilho Eterno
Páginas: 299
Gênero:  Romance
Formato: Físico
Autor : Edna Nunes
Editora: Independente
Adquira o livro: Entre em contato com a autora
Lançamento: 2018
Avaliação: ✮   [5/5]
Aos 27 anos e sem muitas perspectivas de ser mais que uma dona de casa, Rafaela vive submissa às vontades de seu marido Marco. Um homem lindo e rico, mas vítima da Síndrome de Peter Pan e completamente obcecado por ela. Atraída pela curiosidade, Rafa entra num casarão centenário e lá conhece seu Zé. A afinidade é imediata, e eles estreitam laços de amizade de forma apaixonante e comovente. Ela decide romper com o passado e lutar por seus sonhos. De forma simples e objetiva, seu Zé lhe ensina que, nada acontece por acaso e que, apesar da vida parecer efêmera, seremos eternizados se fizermos algo de bom ao passarmos por ela. Mas o destino é cheio de armadilhas e a faz enfrentar, além de Marco, muitos outros obstáculos, que só a fortalecem, e a colocam frente a frente com a maior prova de que anjos existem e o homem de sua vida poderia ser um. Ao entrar naquele casarão, Rafaela descobre que todos podem ter e ser um brilho eterno.
 Brilho eterno é um livro publicado de forma independente pela autora Edna Nunes. Publiquei as primeiras impressões há alguns dias e hoje trago a resenha depois de concluir a leitura desse livro comovente.
Com apenas 27 anos de idade, a vida de Rafaela tomou um rumo diferente do que sempre quis para si: a jovem esposa não tem amigos e até abriu mão de sua profissão para se dedicar apenas ao seu casamento e ao ciumento Marco. Até que Seu Zé aparece em sua vida e com seu carisma e sua sabedoria cativa Rafaela desde o primeiro contato. O dócil senhor e seu cachorro Bob devolvem a Rafaela a cor dos seus dias e mostram que a vida vai além das banais escolhas que fazia dentro das luxuosas paredes de sua casa.
Todos nós temos a nossa própria luz. Não podemos viver à sombra dos outros.
Essa aproximação não agrada em nada a Marco, que deseja que Rafa dedique-se exclusivamente a ele, odiando tudo que envolva o senhor e o casarão em que ele mora.
No entanto, os laços entre Rafa e seu Zé se estreitam e ela se mostra fundamental na vida do solitário senhor quando ele apresenta problemas de saúde. É através dessa situação que ela conhece Daniel, o médico que irá cuidar de Seu Zé de forma dedicada e até amorosa, se mostrando, então, o oposto de Marco em todos os aspectos.
Dan era uma obra divina da natureza, belo como o Sol se pondo sobre o mar, radiante como a lua azul.

Rafaela passa a refletir sobre sua situação e seus sentimentos ficam cada vez mais confusos, afinal, sua principal fonte de insatisfação e tristeza era o seu casamento. Abdicar da casa luxuosa, do seu carro e dos caríssimos bens que possuía não era o mais difícil, afinal, isso nada significava comparado à obsessão de Marco. Em meio a erros e acertos, o caminho em busca da felicidade não será nada fácil para Rafaela, afinal, ela terá que tomar decisões que poderão mudar a sua vida e a de quem ama para todo o sempre.


Nada mais adequado para definir esse livro do que dizer que ele foi emocionante. Do início ao fim,a autora conseguiu me cativar com sua narrativa realista e personagens únicos (protagonistas e secundários) de atitudes mais encantadoras ainda.
Conhecemos a história sob a perspectiva de Rafaela e podemos ver o que o amor é capaz de fazer em sua vida, mudando sua forma de pensar e agir.
Gostaria de saber mais sobre motivos de Marco ser tão possessivo e privar a esposa de viver uma vida “normal” ou até ver pelo seu ponto de vista os acontecimentos do livro e constatar se tudo é fruto da síndrome de Peter Pan ou também de uma personalidade psicopata (seria isso, uma indireta à autora para um próximo volume? rsrs)
A diagramação está linda, rica em detalhes, fazendo jus à história regada de valiosas lições que somos presenteados à todo momento durante a leitura.
O desfecho então me deixou em lágrimas, mostrando que o mais importante nessa vida é o legado que deixamos para as pessoas que passam em nossas vidas, que nada vale ter numerosos bens, riqueza, dinheiro, ou qualquer coisa do tipo, pois o mais importante que deixamos para os outros é o amor, um brilho eterno que jamais poderá ser apagado ou esquecido mesmo com  passar do tempo.
Termino essa resenha dizendo que "Brilho eterno" é um livro lindo que vai cativar do romântico ao mais exigente leitor!

Por hoje vou ficando por aqui,

Beijo e até a próxima!

Nenhum comentário

•Fique à vontade para dar sua opinião, sugestões e críticas (desde que com moderação e respeito, terei o maior prazer em responder :D)
• Comentários com palavrões, que incitam discriminação ou preconceito serão excluídos;
• Se quiser deixar o link do seu blog, com toda satisfação retribuirei a visita!